Como e Porque Demitir um Funcionário

3 Flares Twitter 0 Facebook 2 Google+ 1 3 Flares ×

Micro, pequeno, médio ou grande empresário. Você possui funcionários em seu negócio? Pois se possuir ao menos um, saiba que você estará destinado a um dia despedir seu funcionário, seja lá por qualquer motivo. O fato é que no Brasil a demissão de funcionários é cada vez maior e isso reflete uma enorme insatisfação dos ex-funcionários o que acabam criando processos jurídicos contra a empresa que o dispensou.

Você quer passar por esse problema? Você tem idéia do quanto perigoso para sua empresa pode ser um ex-funcionário insatisfeito com sua decisão processando juridicamente sua empresa? Vamos analisar questões que te ajudará a saber tomar a decisão correta de acordo com as éticas e respeitando o trabalhador.

UMA DECISÃO COMPLICADA

Aonde quer que seja, demitir um funcionário é uma decisão complicada. Isso se dá porque está lidando com um ser humano, onde logo vai querer saber dos motivos de sua decisão sobre a demissão. É preciso agir com ética na decisão e também no diálogo com o empregado. Mas será mesmo que você precisa demitir um funcionário? Essa decisão está recheada de questões que deverão ser analisadas antes de qualquer outro passo.

É notável citar que quando se despede um funcionário, acaba-se gerando uma grande mensagem, que pode ser negativa ou positiva que irá diretamente para o resto de sua equipe de funcionários. Depois de demitir o funcionário poderá haver aqueles que terão uma imagem diferente de você, que é o líder. É por isso que a demissão de um funcionário deve ser tratada como seu ultimo recurso.

Talvez seja preciso a demissão do funcionário para que por fim a empresa seja salva e caminhe para o sucesso. Sim, existem funcionários que além de não cumprir com o próprio trabalho acaba por atrapalhar os outros colegas de trabalho, atrasando assim a possibilidade da empresa evoluir com os funcionários. Para este caso, o aconselhado é que realmente o funcionário seja demitido, para salvar sua empresa.

SEJA CAUTELOSO E ANALISE

Despedir um empregado é estressante para todos os lados, ou seja, vai ser estressante para quem vai despedir também. O que se passa com muitos funcionários atualmente é que eles podem pensar que você (chefe) reconhece o bom trabalho que ele exerce e com esse pensamento eles passam a ter uma imagem de que você (chefe) gosta dele (funcionário). É por isso que eu citei que uma empresa é feita por pessoas, porque elas têm sentimentos e que você deverá levar em conta quando for tomar uma decisão como essa.

É claro que existem exceções. Uma delas é quando o funcionário não está desempenhando seu papel na empresa de modo correto. Com isso você não precisar levar em conta sentimentos e assim demiti-lo.

Gosto de chamar atenção para esse ponto de ‘análise’ porque realmente, tenho certeza, que você não gostaria de estar do outro lado, como o empregado. Uma das vantagens de ser o chefe de seu negócio é essa, você nunca passará por alguma prova de um superior que tenha o risco de você ser despedido. Então leve isso em conta e analise bem tudo o que o funcionário fez ou faz pela empresa. Se a demissão for por corte de gastos, faça uma avaliação mais a fundo, para que consiga demitir o funcionário menos eficiente.

  • Fui eu quem errou!” Essa é uma frase típica de um chefe que depois de algum tempo se arrependeu de ter demitido um funcionário. Se quiser evitar passar por essa situação é mais importante ainda ser cauteloso na hora de demitir um funcionário. Repetir um conselho nunca é demais, portanto, haja com cautela na decisão de demitir um funcionário.

PORQUE ÀS VEZES NÃO FUNCIONA?

Um empregado pode destruir a harmonia de sua empresa. Por isso é aconselhado que sempre se façam avaliações internas sobre cada funcionário. Além de tudo é necessário que faça um trabalho de treinamento de coaching. O trabalho em equipe deve sempre ser fortalecido. Mas porque muitas vezes isso não funciona? É importante que o funcionário esteja feliz onde está trabalhando. Ele deve estar satisfeito com aquilo que está sendo feito [pelo menos dentro] na empresa. Portanto é preciso existir a comunicação entre o chefe e o empregado, facilitando assim a interação dentro da empresa. Uma empresa é feita por pessoas, então peça feedback sempre a seus funcionários. Isso o ajudará a encontrar mais rápido um problema que pode prejudicar seu funcionário mais tarde.

Recomendamos a leitura do artigo: Como Tratar seu Cliente da forma Correta

demissão

COMO DEMITIR UM FUNCIONÁRIO

Primeiramente, é preciso ter certeza de que a demissão é o ultimo de vários passos que foram tomados. Se o motivo do desligamento do funcionário for por mau desempenho nas atividades da empresa, a demissão só deverá ocorrer depois de várias conversas e reuniões sobre esse ponto. É claro que cada chefe é cada um, apenas estamos mostrando os melhores caminhos transparentes para se despedir um funcionário.

Outra, se a demissão se der por corte de funcionários ou então reestruturação da empresa, você deverá antecipar isso através de comunicado oficial. Isso evitará que a demissão não chegue desagradavelmente como surpresa. É importante que sua empresa possua um setor de RH onde seja estabelecido nele diretrizes para esses casos.

É importante que na hora de dar a noticia você esteja munido de informações. Isso é aconselhado porque no momento da demissão, o [futuro] ex-funcionário poderá questionar sua decisão perguntando, por exemplo, quando será seu ultimo dia de trabalho e se não existe outra oportunidade para o mesmo dentro de sua empresa. Então para se prevenir, tome nota de questões como essa. Faça um levantamento do que um funcionário pode realmente perguntar depois da noticia da demissão.

Você nunca saberá qual será a reação do ex-funcionário depois de ouvir a noticia de que está sendo despedido. Então a dica é estar preparado para ouvir [com paciência] o que ele tem a dizer. Sabemos que perder um emprego pode ser traumatizante então talvez o ex-funcionário queira compartilhar com você mágoas e angustias depois da noticia. Tente ouvir com respeito e dê conselhos informando que a pessoa deverá seguir em frente com a vida. Quem sabe poderá oferecer um café depois, quando tudo estiver acalmado.

Por ultimo, é importante que você marque uma reunião com toda sua equipe a fim de esclarecer os pontos negativos que foram criados com aquele funcionário. Como dito anteriormente, depois de você demitir alguém, os outros funcionários poderão ficar receosos e criar uma má ‘imagem’ de você e de sua decisão. Portanto tenha bom senso na hora de despedir um funcionário. Leve em consideração o que foi explanado aqui e tenha certeza que você se sairá bem.

3 Flares Twitter 0 Facebook 2 Google+ 1 3 Flares ×

Sobre Stenio Ribeiro

Depois de tanto errar, decidi acertar. Sou Stenio Ribeiro e espero fazer minha parte para contribuir com uma internet melhor. Arrisco-me como empreendedor à esperar o dinheiro cair do céu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>